27 de maio de 2012

Adobe Photoshop - Instruções

120523 - Photoshop CS5 Aula para leigos.

           Para você, que está iniciando no conhecimento do Adobe Photoshop, é importante lembrar que esta é uma ferramenta Universal, e o Maior e melhor Editor gráfico de fotografias do mundo. Muito eficiente e muito prático, sendo indispensável para os profissionais em fotografias digitais, design e etc.


            Como tenho e trabalho com a edição CS5, gostaria de repassar aos amigos blogueiros, algumas experiências sobre o mesmo, como: Configurações, atalhos, e estilos, plug-ins, etc. e por fim a prática no trabalho fotográfico, em efeitos e montagens, recuperações e algumas correções práticas do dia-a-dia.

         O Adobe Photoshop CS5 vem muito personalizável, você pode instalá-lo e nele instalar diversas ferramentas, como por exemplo o Filtro Extrair, que para mim não posso ficar sem ele, e nesta versão foi suprimida. Nesta edição, podemos criar atalhos personalizados, organizar as paletas suspensas, salvar estas organizações, etc.

         Vale lembrar para ser bom de photoshop, é necessário guardar muitos atalhos na mente, ter prática e muita inspiração. Quanto menos você precisar do mouse, melhor você será, então comece a decorar atalhos!

            Então vamos começar


1º Passo: Vamos abrir uma foto qualquer... Menu arquivo; abrir (Ctrl+O):

            Vai abrir uma janelinha "abrir", a qual chamo de diretório, a partir dela você localiza a foto em seu computador, e clicando nela,  clique em abrir (Enter):
O próximo clique você vai dar naquele ícone que fica na barra de menu do seu Photoshop, chamado Organizador de Documentos, clicando em seguida em: "Consolidar tudo". Acompanhe pelas fotografias. Assim ficará mais fácil para aprender.










Esta foi a fotografia que escolhi para fazer alguma coisa que possa servir de teste e experiência. Uma foto comum, que foi fotografada a noite, talvez sem muito préstimo, feita sobre um colchão, que podemos mudar este ambiente, e dar uma outra visão à pessoa fotografada, podendo ser arquivada nos melhores álbuns pessoais.


2º Passo: Vamos dar um tamanho para a fotografia. Este é a próxima etapa a dar a fotografia, após abri-la; caso contrário poderá ter problema ao revelar uma arte, que não conhece o seu tamanho.
              Na Barra de Ferramentas há uma ferramenta destinada a esse fim, recortar e dar tamanho em centímetros a fotografia, As ferramentas de recortes se encontram agrupadas no 5º ícone da Barra de Ferramentas, que naturalmente se encontra colada na lateral esquerda, superior. Para localizar esta ferramenta, basta teclar a letra "C" em seu teclado. C = Ferramentas de Recorte. Firmando o ponteiro do mouse por 2 segundinhos sobre este ícone, ele vai abrir (como os demais), e exibirá as opções desta ferramenta, clique na primeira da lista de três existentes, selecionando a chamada: Corte Demarcado.
             Ajuste os tamanhos, conforme mostra acima, na Barra de descrições desta ferramenta, os seguintes detalhes: Vide Foto: 


              Largura: 15cm; Altura: 21cm; Resolução: 300 Pixels.
              
           Se desejar revelar a fotografia, lembre-se de duas coisas:
A Resolução deve ser de 300 pixels por polegadas, e o tamanho é muito importante: Os formatos padrões são: 10x15cm, 15x21cm, 20x25cm, 20x30cm, etc. com exceção apenas para casos de montagens, que ai a escolha pode ser diferente, conforme projetado.
              Use a ferramenta, clicando sobre a fotografia, no canto superior esquerdo, e arraste em direção ao canto inferior direito, até encontrar selecionado a parte desejada da fotografia, para recortar, e solte.
          Feito a seleção, para recortar, dê duplo clique sobre a foto, ou tecle enterLembrando que a seleção pode ser melhor ajustada, com o ponteiro do mouse direcionando sobre os cantos aumentando ou reduzindo a seleção.

 3º Passo:  No próximo passo, vamos realizar um importante processo que eu, particularmente chamo de Perfilação, que consiste em perfilar (demarcar o perfil), por meio de uma seleção, para fins de excluir (apagar) o fundo ambiente da foto. Confira os detalhes, e examine a próxima fotografia.




1.1 - Clique na Barra de Ferramentas, na Ferramenta de Seleção, segure por um segundo para abrir a caixinha, selecione a Ferramenta de seleção: LETREIRO RETANGULAR.
1.2 - Faça uma seleção retangular, como mostra a fotografia.
Para acessar, o filtro EXTRAIR, após a seleção for demarcada, tecle o atalho: CTRL+ALT+X ou se preferir, clique no Menu FILTRO e em seguida no submenu EXTRAIR.
          Feito isto, a janela do Filtro EXTRAIR será aberta, veja Na foto acima.

2.1 - Com o pincel de Bordas, faça uma outra seleção, dividindo a foto em duas partes, a que deve ser apagada e a que não deve ser apagada. Atenção: não deixe espaços sem demarcar.
2.2 - Use o Galão de tinta ao alto na barra de ferramentas localizado a esquerda, clicando nele ou usando seu atalho: "G". após selecionado, clique para pintar, sobre a parte onde não deverá ser apagado.
2.3 - Uma vez pintado; clique no botão PREVISUALIZAR.
2.4 - Para concluir e fechar a Janela, clique em Ok (ENTER).

REPITA este processo até concluir toda a Fotografia... Veja abaixo o resultado!
             Breve, a continuidade!
Jisohde G. Posser - 120527

23 de maio de 2012

Montagens e Efeito de Cores

120523 - Ana Laura, Montagens e Efeitos de cores.

              As fotos produzidas no JISOHDE FOTOGRAFIAS ficam melhores ao passarem pela produção e montagem aqui. Confiram a foto de Ana Laura.

Descrições da foto: Tamanho: 25x20 Cm. Dimensões: 2953x2362 P/pol. Resolução: 300dpi. Fotografada: 120519. Trabalhada: 120523. Arte de: Jisohde G. Posser.



Jisohde G. Posser - 120523

Convite de Aniversário - 19 anos

120523 - PMP - Montagens em Paisagem de Jéssica Monique, a princesa da Semana!


              Montagens realizadas por volta da comemoração de seus 19 anos! Parabéns pelo seu aniversário, Confira seu belo convite, que foi feito nesta data: Inspiração própria da aniversariante.


Outras Fotos e Montagens:






JISOHDE FOTOGRAFIAS
Jisohde G. Posser
120523

18 de maio de 2012

Montagens em Templates Floridos

PMT - Montagem em Template da Mikaelly


A Unaiense Mikaelly em uma montagem em Template, por JISOHDE FOTOGRAFIAS, a Beleza feminina fotografada por minha NIKON e com um trabalho de Jisohde G. Posser, provando e comprovando que em Unaí há muita beleza e perfeição.


Admire a foto, a arte e qualidade do trabalho!



                 É isso ai, Jovem, sua beleza e formosura somada a bela arte criativa, nesta foto, traz-nos admiração! Muito linda, você e a Foto. Obrigado por escolher nosso trabalho! JISOHDE FOTOGRAFIAS.

                     Unaí-MG, é a sua terra!

JISOHDE FOTOGRAFIAS
Jisohde G. Posser
120518

Convites de aniversário infantil com tema Junino

PMC - Convite de Aniversário do Kauã Victor.


             A mamãe do Kauã Victor, Natália, decidiu que iria comemorar o aniversário do primeiro aninho de seu filho Kauã, e como queria alto estilo ao convidar os parentes e amigos, ninguém mais indicado para fazer estes convitinhos do que JISOHDE FOTOGRAFIAS.
               Por estar em Brasília, nos contratou via E-mail, enviou a fotografia, descreveu como o queria, e ai está o resultado do trabalho, Magnífico!


               É isso ai rapaz, felicidades procêis e muitos anos de vida, procê, boa festança prus'pais e pu vovô e pá vovó. Parabéns mêrmu!


JISOHDE FOTOGRAFIAS
Jisohde G. Posser
120518

Cartão Carvão Três Gerações

120518 - Cartões comerciais- Carvão três Gerações


             Se você for fazer aquele churrasquinho delicioso, Não se esqueça de que o carvão precisa ser de primeira qualidade! Menos fumaça, mais brasas duradouras, menos granulações e pó, cinzas etc. Para isso o Unaiense inteligente exige o carvão "Três Gerações". Bom Churrasco!


            Agora para você deseja ter sua empresa divulgada com qualidade, procure o Jisohde no JISOHDE FOTOGRAFIAS, que fica à Rua Celina Lisboa, 1436, no Bairro Cachoeira, Ali além de fotos para documentos, montagens de todos os tipos e gostos, Convites para casamentos, debutantes, crianças, lembranças de aniversários, das Mães, pais, namorados, Missa de sétimo dia, etc. Também fazemos cartões comerciais como se vê ai acima, como você deseja, procure-nos! Fone: (38) 9819-0657, 9851-6533, e pelo E-mail/MSN: jisohde@live.com

JISOHDE FOTOGRAFIAS 
Jisohde G. Posser
120518

15 de maio de 2012

Outras Montagens da jovem Silvia Nunes

                 120515 - Silvia Nunes - Montagens de 15 anos.
              
                  Mais fotos da linda Silvia Nunes, montagens transpondo paisagens do por-do-sol, com fundo degrade rosa/branco; com quatro poses, é a sua lembrança de 15 aninhos. Parabéns jovem, felicidade para você e seus familiares! 




             Esta é a Unaiense Sílvia Nunes, 15 anos, estudante. Seu sonho: Ser Modelo! Leva Jeito!
JISOHDE FOTOGRAFIAS
Jisohde G. Posser
120515

13 de maio de 2012

Relatos autobiográficos

                                                    120513 - Relatos Autobiográficos do Jisohde.

          Olá pessoal, Decidi postar esta justificação de minha ausência de alguns dias do blog, porque senti responsabilizado em assim o fazer.
Muitos podem pensar que abandonei o blog ou definir minha ausência como inconstâncias e falta de interesse, porém não é isso. Sou portador de Deficiência Física - Paraplégico em decorrência de um acidente em uma plantadeira PSE-8 ocorrido no dia 02 de Dezembro de 1985. Fui encaminhado para o HODAL - Hospital das Doenças do Aparelho Locomotor - Mais conhecido como: SARAH ou Hospital Sarah Kubitschek - em Brasília - DF.
          Internado ali fiquei por longos 155 dias recuperando e reabilitando para a vida diária. Fui submetido a RX da coluna dorsal, onde foi constatado fratura das vértebras T11; T12; L1; L2; L3 e L4. Em cirurgia na coluna dorsal - fratura e acunhamento T11-T12. Mielografia - bloqueio total em T12. Em 12/12/1985 fui submetido a laminectomia + artrodese posterior e fixação com instrumental Harrigton Luke
          Recebi alta no dia 16 de Março de 1986, Andando com auxilio de tutores curtos e um par de muletas canadenses.
             Andando, mas com muita dificuldade, arrastava a perna direita e sequer conseguia passar por um degrau de 10 centímetros sozinho.
Como meu pai era sitiante às margens do Ribeirão do Roncador, no município de Unaí-MG, foi para lá que fui, com a intenção de recuperar desta grave lesão que mudou radicalmente a minha vida em um todo.
Como não conseguia adapta a vida na fazenda, em julho de 1987  retornei, a convite de uma tia, para Unaí, tentar a vida na zona urbana. Até ai, mais de um ano havia passado e estava locomovendo bem melhor, havia adaptado melhor e andava até um quilômetro sozinho, ultrapassando barreiras com marchas em terrenos acidentados, degraus e outros obstáculos, que para mim, antes, era impossível transpor.
          Em Junho de 1988 parti para mais uma aventura que tanto almejava: Morar sozinho e independente. Já era aposentado e queria vencer na vida, ser independente e dono da própria vida, assim como era dono da própria deficiência. Infelizmente meus familiares e parentes não me compreendiam, não entendia minha deficiência física e fisiológica! Na verdade eles não estavam preparados psicologicamente para isso, e sofria muito; sabia que morando sozinho iria sofrer muito, mesmo não tendo condições financeiras para isso, sem casa para morar, sem dinheiro, enfim, sem nenhuma estrutura decidi batalhar por esse objetivo, lutar e vencer sem a ajuda de ninguém, até porque, não tinha ninguém me ajudando, e o pior, era muito maltratado pelos familiares.
          Confesso que não foi nada fácil para uma pessoa que mal parava de pé com o auxilio de muletas e tutores, mas não desisti... Caia, mas levantava, sacudia a poeira e continuava minha marcha, onde a bússola do destino apontava para a vitória!
           Morei em barraco cedido por um tio caridoso, depois noutro onde pratiquei a revenda de gás, e depois para um cômodo no fundo de uma igreja, em um prédio no centro de Unaí, afim de ser um porteiro e vigilante ali, sem bonificação alguma; depois adquiri um barraco em um bairro afastado 5 quilômetros da cidade, o Bairro Mamoeiro, onde pela primeira vez me senti em casa. Ali me pertencia, era meu. Não havia, de inicio, água, nem energia, nem rede de esgoto, e muito menos internet. Foram dez anos de luta, sofrimento e experiência de vida. Aquele Bairro foi para mim, como foi os 40 anos da vida de Moisés no deserto, ou os 400 anos do povo israelita na peregrinação pós saída do Egito em direção a Canaã.
Naquele Bairro não trabalhei neste período de Dez anos, entre 1992 a 2002. Exerci a fé, como protestante, evangélico, Pentecostal assembleiano com muita dedicação, amor e fé.
          Neste período era Cooperador (cargo Eclesiástico); Secretário, Tesoureiro, Porteiro, Professor da Escola Bíblica Dominical - Local, e 3º Professor na Igreja Sede; e auxiliar do Dirigente do local, responsável pelos cultos doutrinários que acontecia nas Terças-feiras.
                Neste período, locomovia muito, andava pelo bairro todo levando o conhecimento Bíblico para os lares sedentos da palavra de Deus, dali do bairro que era subdividido em: Campos Jardim; Serra Azul e Santa clara. Foi pela razão de minhas andanças pelo bairro, que até então era apenas cascalhadas ou de terra, que, num domingo evangelístico esfolei meu tornozelo do pé direito, onde gerou uma ferida, que mais tarde uma escara, que infeccionada e com osteomielite ocasionou em uma amputação de parte do MID (Membro Inferior Direito, um pouco abaixo do Joelho.
             Eu que era muito adaptado para a vida diária, mesmo com um benefício de apenas um salário mínimo vigente mensal, agora tudo volta ao início.
              A grande necessidade de nova reabilitação, e como sou um lesado medular, as bengalas canadenses já não resolvem meu problema de locomoção; seria necessário uma cadeira de Rodas! Mas como? Não tinha condições financeiras para comprar...
             A Amputação do MID, foi no dia 27 de Novembro de 1994, retornei para casa numa ambulância, que estacionando de frente minha casa, me carregaram e deixaram deitado na cama, e partiram de volta. Com a parte da perna enfaixada, em inicio de cicatrização, deveria manter em repouso por uns 30 dias, e em casa, quem me auxiliaria? quem prepararia a comida para mim? Banho, medicação, etc.
             Confesso que não foi nada fácil, mas graças a meus amigos, que não eram poucos, nesta época, iniciaram ajudando-me por alguns dias, até que um deles ofereceram uma jovem para auxiliar arrumando a casa e preparando a comida para mim, por um valor insignificativo. 
              Uma de minhas irmãs havia falecido no dia 07 de novembro deste mesmo ano, atropelada no Gama, cidade satélite do DF.
            Depois de um tempo, meu pai propôs que minha irmã, iria ficar morando comigo por um mês, até recuperar e conseguisse viver sozinho. E a Cadeira? necessitava urgente de uma cadeira, iniciei uma luta para conseguir uma! muitos sugeriam bingos, rifas para granjear dinheiro para que comprasse uma, porém isso não era viável.
            Chamei a TV local, para fazer uma matéria e lançar no ar, e eles vieram, gravaram a matéria, e foi ao ar nos últimos dias do ano de 1994; no dia seguinte, chegaram em minha casa algumas pessoas (maçons), e me garantiram que me doariam uma cadeira de rodas. Fiquei muito feliz, e agradeci, sendo que nos primeiros dias do ano de 1995 recebi a cadeira de rodas, e voltei a vida diária, normalmente, quase como antes, com apenas uma dificuldade que, haveria de adaptar a essa nova "moda"; a da Cadeira de Rodas. Agora não iria mais passear, e sim "rodar".
               Passado os dez anos, voltei para Unaí, bairro cachoeira, para morar numa casa comprada por meu pai, após vender o Sitio e vir também morar na zona urbana, e aqui estou desde 2002.
             Consegui superar este trauma, esta fase na vida, e agora, depois de vários anos e várias cadeiras manuais, estou usando a segunda cadeira elétrica, da Freedom, muitos atropelos aconteceram desde aquele tempo, muitas vantagens e também desvantagem. Eu que pesava 60 quilos, hoje estou pesando 88 quilos, engordei por extremo, depois que passei para uma cadeira elétrica. 
          Em 1996 juntamente com outros amigos deficientes físicos e visuais, fundamos a Associação dos Deficientes Físicos de Unaí-MG - ADEFIU; da qual presidi entre 2000 e 2002.
               Em 2004 iniciei um trabalho com o computador, digitação de textos e trabalhos escolares, entre outros, que mais tarde ampliado para trabalhos fotográficos, chegando até o momento (2012), quando especializado em artes fotográficas, correções e recuperações de fotos antigas com o maior editor gráfico - o Adobe Photoshop. 
             No ano de 2006, no mês de Agosto, contratei uma empregada para auxiliar-me na lida doméstica, como também nas obrigações no meu estúdio e serviços de rua, seu nome Andreia. Como o passar do tempo, começamos a namorar, em seguida passou a morar comigo, e tempos depois, no dia 18 de novembro de 2006, comemorando nosso aniversário, noivamos, e no ano seguinte, casamos e ela, veio a ser minha esposa naturalmente.
             A diferença de idade não veio a ser problema, sendo ela muito mais nova, e tive alguns anos de felicidade amando um ao outro com muito respeito e afeição.
            Com o passar dos tempos, com a intervenção da família dela, começou os problemas, e no dia 1º de Setembro de 2010, com o coração partido, vi ela partindo, sem rumo definido, levando a joia mais preciosa que tinha - a filha Ana Lídia, que tinha na época 2 anos completos. Lamentei e chorei muito, fique muito triste e amargurado, não apenas pela sua partida, porque ela era adulta, e certamente saberia o que estava fazendo, mas pela pequenina Nina (Ana Lídia), muito tenra e que muito me amava, como eu também, que estava indo com ela, e provavelmente não iria ver nunca mais. Chorei muito, perdi muitas noites de sono, pensando em minha filha! no dia 10 de Setembro, ou seja: dez dias depois, a Andreia retornou para buscar seus pertences, e pude ver ela pela última vez.
              Cinco meses se passaram sem nenhuma notícia, até que chegou a noticia mais triste da minha vida, uma noticia que doeu muito internamente, no coração! Talvez doeu mais que as dores reunidas do meu acidente e a da perda do meu pé direito, doeu muito! Foi quando recebi a noticia de que haviam matado minha filha, a pequena Ana Lídia.

               Foi ai que os fatos foram esclarecidos. Até então não sabia de nada, nem sequer onde e com quem ela morava. Quando saiu daqui, passados alguns dias, ela amigou com um ex taxista de Belo Horizonte, indo morar com ele em Buritis-MG, e com eles nossa filhinha, de Buritis foi para a Capital mineira, e lá aconteceu! Ela foi trabalhar em uma lanchonete e deixava a Aninha com o sujeito, das 15 horas até as 22 horas, quando saía do trabalho. 
              No dia 30 de Janeiro de 2011, enquanto ela ficou com o padrasto, entre 15 e 22 horas, segundo matéria exibida na TV Record Minas, no programa Balanço Geral, ele arremeçou ela contra a parede, matando-a!
           Comigo está, o atestado de óbito, que esclarece o seguinte: Causa da Morte: Hemorragias internas. Nada mais!
             Nunca vou ser o mesmo, nunca vou esquecer do seu gesto meigo, sua inteligencia e seus hábitos, entre os quais, o de vir correndo após o banho, para que eu a pegasse, colocasse no colo e exigir que cheirasse para sentir o perfume que usava pós banho, ou que segurando meu dedo indicador, dava uma voltinha para ver como estava vestindo.
             Foi uma experiencia vivida que jamais apagará da minha mente.
         Aqui estou, lutando pela sobrevivência e pela independência diária, após tantas dores, tantas lutas; continuo lutando, agora para vencer mais uma escara que abriu em meu pé esquerdo, já com seis meses de existência, ou mais, temo um dia, se não conseguir vencê-la, ser vencido por ela e assim levar a amputação também desta outra perna, o que garanto, o risco é grande.
               Nestes últimos dias, passei por mais uma recaída na saúde, temo que em uma seguinte, quem sabe muito próxima, não volte para narrar o que aconteceu! Fui acometido de infecções urinárias, intestinais e agravo da escara juntamente com problemas cardíacos que me impediu de postar em meus blogs. neste e nos demais.

              Estou gerenciando os seguintes Blog's:
FAMA 

              Voltarei a postar regularmente, esperando não decepcioná-los com minha ausência, porém, se isto voltar a acontecer, saiba que o motivo é a saúde precária, ou se não voltar... a morte.

             Um grande abraço a todos! Lembrando, em tempo, que fico muito grato por todos os comentários publicados, portanto: Comentem a vontade!
Obrigado.

Fotos referentes:


                       Aqui está. Esta é a Ana Lídia, e a prova de quanto a amava! Ela adorava ficar sentado sobre a mesa, assistindo desenho animado do Bernard (Ursinho Backkom) esse da foto do link = Foto dos desenhos do Bernard vejam os vídeos no You tube, aqui: Vídeos do Ursinho Backkom Como podem ver, era muito apegada a mim! Eternas Saudades.


                         Ana Lídia, desde muito pequenina tomava Chimarrão com muito gosto, e caso não desse, chorava querendo, e sabia tomar sozinha, com um ano e meio, sem se queimar, era muito inteligente e já sabia fotografar... Não podia se descuidar que ela pegava a máquina e ficava se fotografando! Eternas saudades!


                           Este foi um dos seus presentes que dei, um mes antes do seu aniversário de segundo ano; também dei a ela um sofazinho rosa, de tamanho infantil e uma grande festinha, com mesa tema: Lilica ripilica, com convidados, salgadinhos, docinhos, convitinhos e lembrancinhas para os presentes. Eternas Saudades. 


                       Com apenas 1 ano já sabia fazer poses fotográficos, e o mais interessante que sequer ficava de pé, mas se descuidássemos com a câmara ela ia arrastando-se, segurava nas coisas, ficava de pé na beira da mesa, pegava a câmara, arrastava até o local onde fotografava meus clientes, sentada no chão, e encostada na parede, ela pegava a câmara e se auto-fotografava - Incrível sua habilidade mesmo antes de caminhar. Ai nestas fotos, já tinha 2 aninhos. Seu aniversário será no próximo fim de semana.


                     Este é o sofazinho que lhe dei de aniversário, bem antes do dia, ela adorou ele, e tinhamos de ficar carregando ele da sala para a área, da casa para o estúdio, e para a frente da TV, colocava ele no meio da casa e ficava assistindo... 
                 Nesta foto ela indica com os dedos a sua idade. Saudades eternas!


              Apenas dois aninhos, e olha a pose dessa garotinha! Não é lindo? Saudades eternas!

                   
                         Convitinho para a festinha de comemoração de seus dois aninhos! Fez aniversário no dia 18 de Agosto de 2010, e a festinha foi adiada para o final de semana, no dia 21. Saudades eternas!

                 Esta foi a mesa, com o tema da Lilica Ripilica, vários convidados e presentes, amigos e familiares, muita alegria, porém nas mais de 200 fotos tiradas, com tantos presentes que ela ganhou, não consegui arrancar nenhum sorriso dela! Isso muito me chocou! Até parecia que já sabia de seu triste fim a apenas cinco meses e meio. Sua Mãe havia dado lhe uma surra nesta tarde, por volta das 16 horas, será isso? veja a foto acima, a carinha de tristeza dela! Esta foi uma das fotos que achei melhor - apenas eu e ela! Saudades eternas!
                          Lembrancinha Que foi distribuído entre os presentes, e inclusive, foi enviado para a sua vovó, e os demais parentes que não quiseram fazer presente, apesar de convidados! Lamentável


                        Esta foto acima mostra a Andreia indo embora, e levando ela consigo, após dez dias da festinha de aniversário! Fiquei muito triste, mas não quis mais segurar a barra, que a cada dia pesava mais! Adeus! Muitos dos leitores irão pensar que foi minha a responsabilidade da separação, mas não foi não! fazia de tudo para ela, e por ela, mas chegou em um ponto que não dava mais, ai neste dia ela falou que estava decidida a ir embora, e eu não impedi, deixei,  mesmo com o coração ferido, triste, liguei a minha máquina para gravar o áudio e chamei ela no estúdio na noite anterior, aconselhei ela muito e disse: Agora você decide, se vai ou se fica. Falei muito da criança, disse que nem eu e nem ela iria sofrer, porque ambos poderia arrumar outra companhia, mas o mal seria para a nossa filha, que jamais arrumaria um outro pai. Até parecia que adivinhava que seu próximo marido tiraria a vida dela!

                         
                      Esta é a situação em que fiquei, muito amargurado, não pela perda da esposa, mas pela saudade e perda de minha pequenina Ana Lídia! Acabei por esquecer de fazer a barba, que cresceu sem sequer perceber.


                      E assim o tempo passou!


                             E em um dia, olhei no espelho e percebi que havia transformado, minha fisionomia era outra, decidi fazer a barba, me vestir e ser a pessoa que sempre fui. Honesta, sincera e responsável, como antes.
Venci, e agora é só seguir para a próxima provação. Convicto de que jamais arrumaria outra pessoa para casar comigo, porque sou casado com ela, e dentro do meu ponto de vista, ou seja: Na minha teoria, o homem como a mulher só pode arrumar outro conjugue caso o (a) primeiro (a) venha a falecer. E aqui estou, engordando novamente, levando a vida!

                  De frente a minha casa, como sempre faço quase todas as manhãs, tomando meu chimarrão na rua! Foto tirada por minha funcionária Arleth. Abraços querida, você foi uma funcionária modelo, e muito me auxiliou para que não caisse em depressão, ela é uma jovem de 18 anos, sorridente e muito atraente. Trabalhou comigo por sete meses, até julho de 2011. Linda!


                Novembro de 2011. Meu aniversário, e meus amigos fizeram a festa... Estiveram presente e alegraram comigo. Na foto acima, meu melhor amigo; Cesário e sua esposa, pessoa que se faltar uma semana de ir em minha casa, eu ligo para saber o que foi que aconteceu! Sempre presente, conselheiro, sério, honesto, etc - com o mesmo perfil que eu mesmo. muito sistemático, e adora estar comigo chimarreando! Obrigado Nenzinho, por ser este companheiro que és. Se não fosse sua amizade acho que já estaria com depressão profunda ou havia até mesmo falecido.


                Na fotografia acima, eu e o Petrônio, popularmente conhecido na cidade como Nego Rocha, um outro grande amigo, parceiro das cocas e das pizzas. De vez em quando ele me liga informando que está vindo para minha casa, consigo traz uma Pizza, e uma coca cola. Candidato por duas vezes a Vereador de Unaí, e neste ano novamente será candidato, com muita chance de ser eleito. Funcionário Público, trabalha como secretário da Agricultura, tem lançado um projeto "Agricultura Familiar" e trabalha junto com os agricultores, principalmente com o pequeno e médio agricultor. É isso ai Nego Rocha, vai lá... Candidata que eu voto em você, amigo.

                     
                                Aqui está outro grande amigo, o João Evangelho juntamente com sua esposa Aparecida; Gente boa, honesta, trabalhadora, um lutador! Excelente pessoa, companheira, conselheira, inteligente, conhecedor da Bíblia e dos assuntos bíblicos, foi promotor de Justiça, hoje seus filhos se foram, casaram e cada um mudou para uma cidade, ficou sozinho com a mulher e quase toda semana está aqui comigo para conversarmos e alegrarmos juntos. Um grande bebedor de Coca-cola, barrigudo, na pose para a foto ele está quase perdendo o fôlego, tentando esconder a enorme barriga, contraindo o diafragma, e eu, percebendo isso fiquei enrolando para bater a foto, note que ele está quase desistindo de sua estratégia, em ocultar sua barriga. Calma João, Nós somos barrigudos mesmo! Grande abraço!


            Minha velha Mamãe, de 73 aninhos, se não me falha a memória, Sempre presente, a única que ainda se preocupa comigo! Enquanto meu pai falha um ano inteiro sem me visitar, e quando visita é com a finalidade de depender de um favor meu, ou para me criticar, Ela não! Vem quase todos os dias saber se estou alimentando, se há necessidade de fazer uma comida, arrumar a casa ou até mesmo lavar minhas roupas! Parabéns pelo seu dia! (Dia das Mães - Hoje: 13 de Maio).

                         
                            Aqui o meu único Irmão, Vicente, sua esposa e sua única filha Késya Naara. Vem muito pouco em minha casa, queria que viesse menos, não sei porque, é muito ausente.


                                 Minhas duas irmãs, Cida e Maria José; Fizeram presentes no meu aniversário também! pouco vem em minha casa; principalmente a caçula, maria, que tem o mesmo espírito e temperamento do pai. Muito estressados, e dificilmente nos encontramos sem gerar uma discussão, então é melhor assim... Eles prá lá e eu prá cá.


                      A causa de perder dias de serviços e até me ausentar por uns dias dos blog's. A Escara que falei, no pé. Não fecha de forma alguma! muito remédios e nada de resultados positivos! Foi assim mesmo que iniciou no outro pé (Direito); foi agravando, agravando até que infeccionou todo e me levou a amputar ele.
Espero que este eu consiga tratar dele até a cicatrização e assim me livrar de ter que amputar também.


               Esta é a meu novo visual! Ficando preso diante do computador o dia inteiro, acabei por ter problemas de visão, fazendo consultas, descobri que havia uma grande necessidade de usar óculos de grau, e ai estou!
auto foto tirada a poucos dias!
O autor.
JISOHDE FOTOGRAFIAS
Jisohde G. Posser
120513

8 de maio de 2012

Montagens com Efeitos especiais

120508 - Montagem de Lorrany


                Unaienses...
                Mais uma gatinha unaiense no Blog. Veja como ficou este trabalho de Lorrany, com colorização antiga, e  moldura na fotografia, gostaram?


Jisohde G. Posser